Supervisão

© 2012 Mohamad Syar/CCP, Courtesy of Photoshare

Princípios que embasam Práticas de Grande Impacto (PGIs) em Planejamento Familiar

Programas de planejamento familiar objetivam apoiar indivíduos e casais a exercitarem seus direitos de escolha sobre o momento e espaçamento de suas gestações, a ter informação e serviços para agir a respeito deste direito e a serem tratados com respeito, sem discriminação. Para alcançar isto, programas devem buscar incorporar os seguintes princípios na implementação e dimensionamento de todas as Práticas de Grande Impacto.

Voluntarismo – Garantir que as decisões dos clientes sejam baseadas em ação voluntária, não coercitiva.

Escolha informada  Oferecer informação precisa, correta e compreensível de modo que indivíduos e casais possam tomar decisões informadas sobre saúde reprodutiva e contracepção.

Escolha de Método Contraceptivo – Tornar disponível e acessível a mais ampla série possível de métodos contraceptivos que sejam apropriados para o nível do serviço.

Centro no Cliente  Criar um ambiente seguro e não julgador que respeite e reconheça as intenções reprodutivas do cliente (postergar, espaçar ou limitar gestações), seus estilos de vida e preferências ao longo de suas vidas.

Alta Qualidade  Assegurar disponibilidade e produtos contraceptivos seguros e de alta qualidade e construir conhecimento, habilidades e competências de prestadores de assistência para o fornecimento de informação e serviços voluntários em planejamento familiar.

Continuidade da Assistência  Construir e sustentar sistemas para apoiar clientes através de um suprimento ininterrupto de contraceptivos e insumos correlatos, serviços integrados ao longo do curso de vida reprodutiva onde possível, sistemas de encaminhamento e assistência com acompanhamento.

Equidade  Perseguir a identificação e entendimento de barreiras sociais, étnicas, financeiras, geográficas, etárias, linguísticas e outras que possam inibir a busca por comportamentos saudáveis e uso contraceptivo voluntário e fazer ajustes programáticos para superar essas disparidades.

Igualdade de Gênero  Esforçar-se por incluir mulheres e homens ao remover barreiras a seus engajamentos ativos e tomadas de decisão, reconhecendo o papel do planejamento familiar em dar apoio a dinâmicas de poder mais igualitárias e relações saudáveis.

Práticas de Grande Impacto (PGIs) são um conjunto de práticas de planejamento familiar baseadas em evidências avaliadas por especialistas sob critérios específicos e documentados em um formato fácil de se utilizar.

Endossadas por mais de 30 organizações, as PGIs ajudam a construir consenso sobre nosso entendimento atual do que funciona em planejamento familiar.

PGIs são identificadas com base na magnitude demonstrada de impacto no uso de contraceptivos e na potencial aplicação em uma ampla série de cenários. Também são consideradas outras medidas de resultado relevantes, incluindo gravidez e fertilidade indesejadas ou uma das determinantes imediatas de fertilidade (adiamento do casamento, espaçamento entre partos ou amamentação). Evidência de reprodutibilidade, dimensionamento, sustentabilidade e custo-eficácia também são examinados.

PGIs são categorizados como:

  • Ambiente Favorável: Sistemas ou intervenções estruturais que afetam fatores indiretos ao uso contraceptivo.
  • Prestação de Serviço: Mudanças na organização de serviços que diretamente afetam acesso, disponibilidade e qualidade de serviços de planejamento familiar.
  • Mudança Social e Comportamental: Intervenções que diretamente afetam conhecimento, atitudes, comportamento e normas sociais que influenciam uso contraceptivo. Leia o documento MSC Overview

Adicionalmente, tecnologias ou práticas que não são tipicamente intervenções isoladas, mas de fato melhor implementadas em conjunto com PGIs para intensificar ainda mais o impacto das PGIs, são chamadas de Melhorias PGI.

Os resumos PGI podem ser usados para defesa, planejamento estratégico e projeto de programas, exploração de lacunas de pesquisa para melhor informar orientações e políticas e para dar suporte a implementações. Revisão Guidance for Developing an Evidence Brief.

Saiba sobre a estrutura organizacional.

Assista a um webinar gravado que trata do uso de padrões apropriados de comprovação para recomendação de melhores práticas em planejamento familiar e saúde reprodutiva.

Artigo sobre Sustentabilidade

Este artigo  discute a importância de se focar na sustentabilidade quando se determina uma prática de grande impacto em planejamento familiar, ao mesmo tempo em que assegura que a definição de “sustentável” é clara e precisa quando se toma essa decisão.